12 fevereiro 2007

A felicidade exige valentia.



"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes mas, não
esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo, e posso evitar que ela
vá à falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios,
incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos
problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no
recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter
medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para
ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo..."

Fernando Pessoa - 70º aniversário da sua morte

5 comentários:

Fallen Angel disse...

Extraordinária Pessoa chamada Fernando...

« Um mar onde boiam lentos, fragmentos de um mar de além... vontades ou pensamentos? Não o sei e sei-o bem. »

Selene disse...

nunca me canso de ler este poema... aliás, fiz dele mote para o meu espaço. e os dois ultimos versos são o que me relembro a mim mesma nos dias maus... **

Magda Moita disse...

Fallen Angel e Selene

É realmente extraordinário este ser, nunca me canso de o redescobrir.

Abraço

António Rosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Likas disse...

Olá Magda,
Vir aqui fez-me lembrar outro sítio (tu sabes, não?) onde encontrava sempre resposta às minhas ansiedades.
Voltarei certamente.
Kissekes